Contatos

Complexo da Casa das Nações Unidas
Setor de Embaixadas Norte,
Quadra 802, Conjunto C Lote 17,
Módulo III
CEP: 70800-400 – Brasília DF, Brasil
Trabalhe Conosco

Siga a OIT nas redes sociais

  1. Twitter

  2. Facebook

  3. Flickr

  4. Youtube

Organização Internacional do Trabalho: Escritório no Brasil

  • © Tony Webster

    Garantir justiça e proteção para as pessoas trabalhadoras LGBTI

    Por ocasião do Dia Internacional contra a Homofobia, a Transfobia e a Bifobia, o Diretor Geral de a OIT, Guy Ryder, disse que se queremos um futuro do trabalho centrado no ser humano, que não deixe ninguém para trás, devemos incluir as pessoas trabalhadoras LGBTI.

  • © Produção de cacau em Medicilândia, Pará. Foto: Tatiana Cardeal

    OIT, MPT e Papel Social discutem trabalho decente na produção de cacau

    O escritório da Organização Internacional do Trabalho (OIT) no Brasil, o Ministério Público do Trabalho (MPT) e a organização Papel Social participaram, nos dias 24 e 25 de abril, de eventos promovidos pela Universidade de Harvard, nos Estados Unidos.

    O objetivo foi discutir o relatório “Cadeia produtiva do cacau: avanços e desafios rumo à promoção do trabalho decente: análise situacional”, elaborado por OIT, MPT e Papel Social. O documento foi desenvolvido no contexto do Projeto “Promoção e Implementação dos Princípios e Direitos Fundamentais no Trabalho”, implementado pela OIT por meio de uma parceria com o MPT.

  • Trabalhador resgatado relata abusos em carvoarias e fazendas no Brasil

    No Brasil, o Maranhão é o estado de origem do maior número de brasileiros vítimas de escravidão contemporânea. Para conscientizar autoridades e a população sobre o problema, o projeto ‘Escravo, nem pensar!’ implementado pela ONG Repórter Brasil, em parceria com a Organização Internacional do Trabalho (OIT) e o Ministério Público do Trabalho (MPT), divulga um vídeo com o relato de um sobrevivente do trabalho escravo.