Trabalho Digno

O conceito de trabalho digno resume as aspirações de homens e mulheres no domínio profissional e abrange vários elementos: oportunidades para realizar um trabalho produtivo com uma remuneração justa; segurança no local de trabalho e proteção social para as famílias; melhores perspetivas de desenvolvimento pessoal e integração social; liberdade para expressar as suas preocupações; organização e participação nas decisões que afetam as suas vidas; e igualdade de oportunidades e de tratamento.

Dito de uma forma mais resumida, atualmente o principal objetivo da OIT consiste em promover oportunidades para que mulheres e homens possam ter acesso a um trabalho digno e produtivo, em condições de liberdade, equidade e dignidade. Para que este objetivo se efetive, a OIT desenvolveu uma Agenda assente nos quatro objetivos estratégicos da Organização: a criação de emprego; a garantia dos direitos no trabalho; a extensão da proteção social; e a promoção do diálogo social.

A pertinência desta Agenda foi reiterada no âmbito dos trabalhos da Comissão Mundial sobre a Dimensão Social da Globalização O Trabalho Digno era reconhecido como requisito fundamental de uma Globalização Justa. E esse reconhecimento foi sendo feito por várias instituições internacionais.

É neste contexto que, na Conferência Internacional do Trabalho de 2008, os mandantes tripartidos adotam a Declaração da OIT sobre Justiça Social para uma Globalização Justa. Mais tarde, o objetivo do Trabalho Digno foi plenamente inserido na Agenda para o Desenvolvimento Sustentável de 2030.

Mais informação no sítio global da OIT sobre este tema (em EN)

Documentação em PT:

Atividades apoiadas pela OIT-Lisboa: